publicado a: 2016-11-23

​Caixas de cartão mantêm as frutas frescas mais 3 dias do que embalagens de plástico

As caixas de cartão ondulado mantêm a fruta fresca até 3 dias mais do que as mantidas em caixas de plástico retornáveis e oferecem um melhor comportamento ao nível da contaminação microbiológica, segundo um estudo do departamento de Ciência da Agricultura e da Alimentação da universidade de Bolonha (Itália). A equipa de investigadores demonstrou que os microorganismos sobrevivem mais tempo nas superfícies das embalagens de plástico retornáveis, enquanto que nas embalagens de cartão ondulado, ficam presos nas fibras de papel e morrem mais depressa devido à falta de água e nutrientes.

O estudo investigou o comportamento de microorganismos patogénicos, susceptíveis de causar doenças transmitidas pelos alimentos e microorganismos que poderiam afetar a vida útil e a qualidade da fruta. Depois de se inocularem as superfícies tanto de cartão ondulado como de plástico, comprovou-se a evolução no tempo, das cargas celulares dos microorganismos.

Uma vez que as células fiquem presas no cartão, os investigadores observaram que as suas paredes celulares e membranas partiram-se e as células desintegraram-se. Este fenómeno observou-se em todos os microorganismos estudados, incluindo os microorganismos patogénicos e causadores de deterioração de alimentos.

Pelo contrário, em embalagens de plástico retornáveis foi detetada a presença de pequenos cortes e arranhões na sua superfície, que podem favorecer a proliferação de microorganismos. Estas marcas de plástico danificado ou gasto são difíceis de limpar num processo industrial e podem facilmente ser preenchidas com matéria orgânica, da qual se alimentam as células microbianas para sobreviver e crescer.


Fonte: Phytoma

Comentários

  • Faça login para poder comentar.